Bromélia – Como cuidar? + 77 ideias de como usar na decoração!

Com o estilo de planta tropical e um visual mais rústico, a bromélia é um tipo de planta ornamental bastante conhecida no Brasil, e entre suas principais características, o fato da planta ser bastante versátil para ambientes internos e externos, faz com que o uso dessa espécie seja bastante recorrente.

E se você já teve o desejo de ter uma bromélia como parte do projeto paisagístico ou apenas um vasinho para decorar o ambiente interno, mas ficou em dúvida de como cuidar da planta, no post de hoje trouxemos todas as informações necessárias para que você possa se render ao cultivo dessa espécie tropical.

dicas e cuidados

Dúvidas frequentes – FAQ

Quais os principais tipos de bromélia?

Quando o assunto é essa planta de origem tropical, é preciso compreender que há diferentes tipos de bromélias, e para facilitar a compreensão reunimos os principais tipos e suas características, assim dá para escolher a espécie ideal de acordo com as peculiaridades do local de cultivo, evitando que a planta morra por conta de uma escolha errada.

  • Neoregelia:esse tipo de bromélia é uma opção que tem como característica um grande copo central, que funciona como armazenamento de água. A planta do tipo neoregelia se adapta bem a ambientes com bastante luminosidade e as folhas rígidas e brilhantes podem ter alteração de cor puxando para um tom avermelhado ou rosado. A flor dessa espécie costuma ser pequena e pode ser encontrada em tons de branco, rosa, púrpura ou azul.
bromélia neoregelia

As folhas são rígidas e com bastante brilho

  • Nidularium: a espécie lembra bastante a neoregelia, com as folhas em tons avermelhados e copo central, mas nesse caso a planta deve ser cultivada a sombra e local com bastante umidade.
bromélia Nidularium

As folhas são mais delicadas e o cultivo deve ser feito em local de sombra

  • Pseudonana: esse tipo de planta é bastante cultivada no Brasil e se adapta bem ao clima local. A espécie traz como característica o seu formato bem similar a de um abacaxi, mas com coloração mais intensa. O cultivo das pseudonanas deve ser sob sol, ou em local interno com muito luminosidade.
bromélia pseudonana

A espécie lembra um abacaxi

  • Epífitas: as bromélias do tipo epífitas são conhecidas por serem espécies que se desenvolvem em árvores, mas o cultivo também pode ser feito em vaso, desde que o solo seja substrato e com boa drenagem de água. O cultivo da planta tipo epífita deve ser feito em local sem incidência de sol direto, já que o sol pode queimar suas folhas.
bromélia epífita

O tronco oferece condições ideais para o desenvolvimento da espécie

Bromélias de sol

Se você tem um local com incidência de sol e está pensando em cultivar bromélia, separamos algumas opções da planta que são ideias para esse tipo de local.

  • Bromélia Imperial: essa espécie é bastante conhecida por conta de ser uma planta muito utilizada em projetos de jardinagem e seu poder como planta ornamental. A bromélia imperial pode chegar a ter 1,5 m de diâmetro em seu desenvolvimento máximo, e a floração é uma espécie de espiga que se desenvolve no centro da planta podendo atingir até 3,5 m de altura. Como as outras espécies da planta, após a floração a bromélia imperial morre, mas deixa brotos em sua base.
bromélia imperial

As folhas podem ter variação de cor

  • Neoregelia: como já mencionamos acima, entre os principais tipos de bromélias, a espécie da família das neoregelias é uma boa opção para cultivo em local de sol, e a variação nos tons das folhas é uma das principais características dessa planta.

bromélia de sol

  • Hohenbergia: com estilo diferente das tradicionais bromélias, a Hohenbergia é uma espécie que tem maços densos e coloração castanha. A floração acontece a partir de espigas no centro da planta, e o seu visual mais rústico é perfeito para contrastar no projeto paisagístico.
bromélia Hohenbergia

A espécie deve ser cultivada sob sol pleno

  • Dyckia: a espécie é conhecida por sua adaptação, já que costuma ser encontrada em leitos de rios, suportando os períodos de cheia, mas também adapta-se aos períodos de seca. Essa adaptação traz como característica a planta folhas finas e serradas em volta. E a floração ocorre através de um pendão laranjado, que também produz fruto.
bromélia dyckia

A planta tem as folhas serrilhadas

  • Ananás: a espécie recebe esse nome por conta de sua floração que se assemelha a um abacaxi, sendo assim, o seu nome popular é “abacaxi ornamental”. A espécie tem espinhos nas folhas e pode ser usada como cerca viva.

bromélia ananás

Bromélias de sombra

  • Aechmea: a espécie de sombra é conhecida por suas folhas rígidas e verdes com uma linda flor central que tem tonalidades de rosa e roxo. A espécie se adapta bem a locais com bastante umidade.
bromélia de sombra

A flor rosa é um destaque da espécie

  • Guzmania: pertencente a família das epífitas, a bromélia guzmania tem folhas largas e macias, e as flores podem ser em tons de vermelho, rosa, vinho, roxo, amarelo, branco, verde. A espécie deve ser cultivada em local de meia sombra, e as regas devem ser regulares, mas sem enchacar o solo.

bromélia de flor vermelha

Qual o seu significado?

As flores podem trazer significados e assim a escolha paisagística pode unir a beleza de cada espécie com seu simbolismo, trazendo uma composição mais específica para o projeto.

No caso das bromélias, o significado está aliado ao sinônimo de inspiração, excentricidade e resistência. Além disso, a planta também é simbolismo de amizade, e pode ser um bom presente para um amigo.

 

Quanto custa em média? #preço

O preço das bromélias pode variar bastante de acordo com a espécie, e por isso os modelos da planta podem ser encontradas em faixas de preços de vão de R$ 30 a R$ 350, sendo os valores mais altos para as plantas mais raras.

 

Como cuidar e cultivar bromélia?

O cultivo da bromélia costuma trazer muitas dúvidas e a principal delas é em relação ao seu definhamento após a floração, o que muitas vezes caracteriza a morte da planta.

E é exatamente isso que acontece com algumas espécies dessa planta. Após a floração, algumas espécies vãoo definhando até morrer, e você não fez nada de errado no cultivo, já que esse é um processo natural da planta.

No entanto, a planta morre, mas emite brotos em sua base, por isso, nada de jogar a planta no lixo após a floração. Pelo contrário, é preciso manter os cuidados necessários para que os brotinhos saiam saudáveis para a formação de uma nova planta.

Para o plantio da espécie, o ideal é que seja seguida as características ideias para cada espécie e tipo de bromélia, mas em geral, as plantas não são tão exigentes em relação ao solo, e um vaso com substrato e boa drenagem de água são suficientes para o desenvolvimento da planta.

como plantar e cuidar de bromélia

Outro cuidado com a bromélia é em relação aos tipos que trazem uma rosácea no meio, como um copo central que acumula água. Essa característica é importante para a sobrevivência da planta, e o copinho com água não é um criadouro de dengue.

dengue bromélia

A água acumulada no centro da planta não é ideal para a reprodução do mosquito da dengue

Segundo o Globo Rural, esse acúmulo de água não é propício para o desenvolvimento do mosquisto Aedes aegypti, uma vez que a água ali acumulada é transformada em suco biológico para a manutenção da planta, e assim a água não é limpa o suficiente para a reprodução de larvas do mosquito.

 

Dicas de decoração com bromélias

Em Vaso

Algumas espécies de bromélias podem ser cultivadas em vasos, e isso permite que a planta seja mantida dentro ou fora de casa, de acordo com as caracteríticas de cada espécie.

O cultivo em vaso pede boa drenagem do solo, evitando que a planta fique com a terra encharcada, o que pode ser prejucial para o desenvolvimento da planta.

As versões em vasos podem ser usadas na decoração de ambientes internos, como mesa de centro; ou em vasos grandes decorando jardins e varandas.

planta decorativa

A espécia Aechmea foi cultivada em vaso no interior de casa

jardim com pedras decorativas

O jardim traz vasos com diferentes espécies da planta

bromélia em vaso grande

Os grandes vasos com a planta decoram a área externa

bromélia sala

A espécie Guzmania foi usada para decorar a mesa de centro

bromélia florida vaso

A espécie Aechmea decora o vaso grande

varanda decorada

O vaso grande decora a varanda

vaso com planta

A planta foi cultivada em vaso de cerâmica

decoração com bromélia em caso

decoração embaixo escada

O vão embaixo da escada foi decorado com vasos de plantas

decoração com vasos

Jardim Interno

Algumas espécies de bromélias também adaptam-se a ambientes internos, como jardins dentro de casa, como é o caso de jardins embaixo da escada.

Nesse caso, é preciso observar as características do local, e observar se há incidência de luz ou não, e assim escolher a espécie ideal de acordo com sua adaptação a ambientes com sol ou sombro.

O cultivo da planta em jardim interno é uma boa escolha, já que a adaptação da espécie é bastante versátil, assim a bromélia se torna uma boa opção para ser cultivada dentro de casa.

jardim interno com pedras

As plantas com flores decoram o jardim com espécies rústicas

jardim embaixo escada

O jardim embaixo da escada traz diversas espécies de plantas

jardim interno e simples

jardim interno embaixo escada

A decoração embaixo da escada traz as plantas em vasos

decoração com planta banheiro

As plantas foram cultivadas abaixo da bancada do banheiro

jardim embaixo escada

O jardim embaixo da escada recebe iluminação através da parede de vidro

decoração simples embaixo escada

O vão embaixo da escada foi decorado com um vaso da planta

jardim interno com pedras

O jardim traz pedrinhas brancas e estilo rústico

jardim interno decorado

Jardim Externo

Há inúmeros tipos de bromélias, e muitas espécies dessa planta se adaptam bem a jardins externos, seja em local com sol ou sombra.

Nesse caso, a planta pode ser usada sozinha e ser destaque no jardim, ou ser usada junto a outras plantas, formando um mix no projeto de jardinagem.

A escolha de bromélia para o jardim externo deve levar em conta as características do local de cultivo, mas também pode considerar o estilo da planta, já que a varidade de tipos dá uma imensa gama de plantas ornamentais da mesma família, podendo até mesmo criar um mix entre os tipos da planta.

jardim externo com grama

Diferentes espécies da planta fazem parte do jardim

jardim gramadado casa

As plantas entre pedras dão um toque rústico ao jardim

jardim com bromélias

As diferentes espécies e colorações da planta decoram o jardim

planta para jardim rústico

O jardim rústico traz a espécie como parte do projeto paisagístico

projeto paisagístico

Diferentes espécies da planta foram cultivadas entre rochas

jardim casa campo

jardim frente casa

O jardim em frente a casa traz uma área com bromélias

jardim externo com pedras

A espécie com rosácea no centro decora o espaço externo

jardim rústico

A planta com coloração avermelhada decora o jardim

decoração jardim externo

corredor com jardim

O pequeno jardim no corredor traz a planta próxima do muro

jardim externo

Jardim Vertical

Há diferentes possibilidades de usar bromélias como parte da decoração e dando um toque verde e paisagístico, seja dentro ou fora de casa, e uma das ideias é aproveitar o espaço vertical para o cultivo da planta.

Entre os tipos de plantas para jardim vertical, a bromélia é uma dessas opções, e  traz uma ótima proposta para dar um toque rústico ao jardim.

O uso da planta em jardim vertical pode ser um mix de bromélias, ou misturar a planta a outras espécies, como samambaias.

jardim vertical

O jardim vertical traz predominância de bromélias em meio a outras plantas

plantas jardim parede

Há um mix de plantas no jardim que decora a parede

decoração jardim vertical

decoração vertical com plantas

muro com jardim vertical

O muro foi decorado com jardim vertical

jardim vertical pequeno

O jardim vertical tem estilo rústico

plantas para jardim vertical

jardim vertical com flores

As plantas floridas decoram o jardim vertical feito de madeira

jardim parede

A planta florida se destaca em meio a outras espécies

jardi vertical simples

O jardim traz diferentes espécies da planta

jardim vertical com samambaias e bromélias

jardim vertical

Em Troncos

Algumas espécies, como as epífitas, são características de troncos de árvores na natureza, e o projeto paisagístico pode caminhar para esse lado, inserindo espécies epífitas em meio a troncos no jardim.

As plantas epífitas vão muito bem nos troncos e nesse caso o cuidado com o jardim é mais simples, já que essas espécies pedem menos cuidados.

bromélias em troncos

tronco seco com plantas

Os diferentes tipos da planta decoram o tronco seco

troncos decorados

Os troncos servem de vasos para as plantas

tronco com bromélia

troncos jardim

Diferentes espécies da planta decoram os troncos secos

tronco com flores

As espécies com flores decoram o tronco

mangueira com bromélias

A mangueira traz diversas espécies da planta epífita

tronco de árvore com plantas

O tronco com as plantas dá um toque rústico ao jardim

 

E aí, você já tentou cultivar essa espécie tropical? Compartilhe conosco sua experiência, e conta aquele segredinho que você tem para manter a planta.


Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *