Concreto protendido【2021】➞ O que é? Vantagens e tudo sobre!

Existem diferentes tipos e técnicas de concretagem, e uma das possibilidades é o concreto protendido.

Se você não é um profissional da área da construção civil, é bastante comum ter dúvidas sobre os tipos de concreto e nem saber qual a referência para concreto protendido.

E se a ideia é facilitar a conversa com os profissionais da área civil, no post de hoje reunimos informações e explicamos o que é o concreto protendido, assim você pode acompanhar a obra com mais entendimento.

concreto protendido

O que é concreto protendido?

O concreto protendido é um dos meios mais utilizados para obras que precisam de maior resistência à tração do concreto.

O objetivo desse tipo de concretagem é melhorar o desempenho das estruturas de modo a usar todo o potencial do concreto à compressão e manter os esforços de tração para armadura.

Desse modo, essa técnica de concretagem faz com que os aços dos varões sejam pré-tracionados por forma, de modo a criar uma força que colocará compressão no concreto. A compreensão do concreto compensará parte da tração que o betão está carregando.

Assim, esse método aumenta consideravelmente a força e a resistência do concreto.

o que e concreto protendido

O método aumenta força e resistência do concreto

Como é feita protensão?

A técnica de proteção aplica tensão nos cabos de aço antes da cura do concreto.

Nessa técnica, a armadura sofre um pré-alongamento, garantindo o equilíbrio de esforços e criando o sistema de tração no aço e compressão do concreto, etapas que aumentam a resistência da concretagem sem causar impactos e ações externas.

como fazer protensao

Tipos de protensão

Durante o processo de protensão existem 2 técnicas que podem ser aplicadas – protensão não aderente ou protensão não aderente.

Protensão Aderente

Nesse processo são utilizados cabos em bainhas metálicas, que podem ser lisos ou ondulados, e assim é feita a injeção da calda de cimento, trazendo a possibilidade de ganhar a aderência necessária ao sistema.

tipo de potensao aderente

Uma das técnicas é protensão aderente

Protensão Não-Aderente

Nessa técnica, há a utilização de cabos que são engraxados e cobertos por bainhas de polietileno ou polipropileno, sendo ambos de alta aderência e que proporcionam proteção contra corrosão.

protensao nao aderente

No processo não-aderente, os cabos são engraxados

Principais vantagens e desvantagens

Vantagens

  • Obras com vãos: um dos pontos positivos da concretagem protendida é a resistência do concreto, sendo uma possibilidade para obras com grandes vãos, o que faz com que esse tipo de concretagem seja mais adequado e resistente quando comparado ao concreto armado.
  • Versatilidade: por conta da alta resistência, a concretagem protendida possibilita a maior variedade de layout nos projetos arquitetônicos, inclusive em projetos com maior distância entre os pilares.
  • Peso estrutural: esse tipo de concretagem tem menor peso estrutural, uma vez que as lajes são esbeltas, diminuindo o carregamento sobre a fundação.
  • Tempo: um dos pontos positivos é a redução do tempo de construção, uma vez que a facilidade de execução e reaproveitamento de formas pode tornar o processo mais rápido.
  • Menos tensões: esse tipo de concreto reduz as tensões de tração que são ocasionadas pela flexão e esforços aplicados nas lajes, e consequentemente também reduz deformações e fissuras na obra.

vantagens do concreto protendido

Desvantagens

  • Mão de obra: a técnica exige mão de obra especializada, o que é um fator negativo, uma vez que essa não é uma mão de obra fácil de ser encontrada, o que pode influenciar no custo do processo.
  • Qualidade do concreto: para o método protendido, é necessário um concreto de alta resistência, e isso pode influenciar no custo mais elevado do material e até mesmo da indisponibilidade no local da obra. A qualidade do concreto também é influenciada pela execução e compactação, exigindo maiores cuidados durante o processo.
  • Qualidade do aço: o aço utilizado na proposta protendida deve ser de alta resistência, e isso pode aumentar o custo em até 3 vezes mais quando comparado ao aço comum utilizado no concreto armado.
desvantagens do concreto protendido

A qualidade do concreto e do aço devem ser maiores

Aplicações e usos do material

A concretagem protendida é bastante utilizada em projetos em que há a necessidade de laje protendida, ou seja, estruturas que os esforços de flexão são mais elevados, aumentando a resistência do concreto.

A indicação de uso desse tipo de concretagem é para obras grandes e complexas, como shoppings, pontes e edifícios que necessitem de grandes vãos.

aplicacoes de concreto protendido

Essa concretagem é indicada para obras que precisam de mais resistência do concreto

Concreto protendido ou armado – Qual a diferença?

Com os diferentes tipos de concreto, é comum a dúvida e até mesmo a confusão entre os termos, e para evitar a confusão entre concreto protendido e concreto armado, reunimos as diferenças desses métodos.

  • Protendido: esse tipo de concretagem tem aço no interior e também possui cabos de aços tracionados e que são ancorados no próprio concreto, de modo a aumentar a resistência. A resistência utilizada nesse tipo de concreto costuma ser de 2 a 3 vezes maior do que a utilizada no concreto armado.
  • Armado: o concreto armado também possui estrutura de aço no interior, mas diferencia-se por não ser tracionado, sendo mais utilizado em construções que não contam com vãos grandes, além de ser uma opção com custo total mais acessível.

 

Agora que você já entendeu o que essa técnica de concretagem, vai ficar mais fácil de acompanhar a obra e as orientações dos profissionais da área de construção civil.

Você pode gostar...