Como Cuidar de Rosas: Dicas, Informações e Fotos!


Não existe planta mais querida para paisagismo que as rosas. Os motivos são os mais diversos, desde o seu simbolismo com o romantismo até a diversidade de tons. É uma planta fácil de encontrar e aprender a como cuidar de rosas também é fácil. Confira!

Como cuidar de rosas em jardim

Tipos de Rosas

Não se sabe a data precisa do surgimento das rosas, mas com certeza é um longo período embelezando os quintais. Há relatos de chineses cultivando a planta desde 2.650 A.C.! Acredita-se terem sido os persas responsáveis por levar mudas para Roma e a flor ter contagiado o mundo.

Até o momento os biólogos separaram as rosas em cinco grandes grupos:

  • Bravas;
  • Arbustivas;
  • Trepadeiras;
  • De Canteiro;
  • Rugosas.

As bravas são as pioneiras, encontradas há milênios tanto em climas amenos como nos frios. Florecem apenas uma vez ao ano e com frutos no outono. Já as arbustivas são as mais altas, com certeza de dois metros de altura em sua maturidade plena. O seu desenvolvimento é sempre isoladamente nos jardins.

As trepadeiras podem ser divididas em dois grupos: climber e rambler. O tipo climber costuma crescer com galhos retos e são facilmente identificáveis por isso, além de terem flores em cachos. Já a climber possuem flores menores e florescem apenas uma vez ao ano.

As rosas de canteiro são as mais populares no Brasil. Possuem pétalas simples e dobráveis, repletas de espinhos. Possuem diversos subtipos como de chá, híbridas, a rosa do deserto, dentre outras. As rugosas são menos conhecidas no Brasil porque desenvolvem mais em clima temperado.

como plantar rosas em jardim passo a passo

Como Cuidar de Rosas: Principais Dicas

Aprender a como cuidar de rosas é mais simples do que se imagina. Ao contrário de outras flores como orquídeas e lírios, elas necessitam de pouca atenção se o clima é apropriado e forem plantadas corretamente. São plantas de desenvolvimento rápido e com preferência para serem trazidas em muda.

Como Regar?

Uma das vantagens de cuidar de rosas é que a planta necessita de pouca água. Logo após o plantio ela deve ser regada todos os dias quando o sol estiver bem forte. Quando começar a florescer mantenha a regagem apenas nos dias mais quentes.

Em cidades com clima chuvoso não é necessário regar no inverno. A chuva pode fazer o trabalho de forma perfeita.

A água deve ser sempre em temperatura ambiente e nunca fria ou gelada. 

como regar rosas de jardim

Durante os primeiros meses após o plantio as rosas devem ser regadas todos os dias.

Qual o Espaço Ideal?

O espaço ideal depende do tipo de rosa a ser cultivado. As trepadeiras e arbustivas precisam de espaço para desenvolver para o alto.

Esta não é uma planta de raízes profundas e por isso pode ficar em um espaço de 40 centímetros de largura ou mesmo em vasos. Apenas atente para vasos um pouco mais profundos e firmes como as caqueiras de gesso ou cimento para o desenvolvimento da planta ser pleno.

Adubação

Incrementar o solo com adubo no plantio de rosas é considerado importante para a planta desenvolver bem e plena. A dica é realizar de duas a três adubações ao ano para cuidar bem do terreno.

como cuidar de rosas no plantio

Ambiente, Clima e Iluminação

Sempre é interessante deixar a planta em contato com a luz do sol. A rosa se adapta em diversos tipos de clima (até mesmo nos invernos mais intensos), mas quanto mais luz solar tiver melhor para o seu desenvolvimento.

Nos apartamentos dê preferência para o cultivo em áreas abertas onde o vaso tenha contato com o sol ao menos duas horas por dia.

Poda

As roseiras necessitam de apenas uma poda por ano. Mesmo que tenham crescido muito podem deixar desenvolver sem problemas. Os melhores meses para a poda são julho e agosto.

Existem outros cuidados necessários? Dependendo do seu terreno não. Se há outras plantas pode ser necessário pesquisar sobre inseticidas, mas depende muito do tipo de terreno e cuidados específicos necessários para cada tipo de praga.

Como Plantar Rosas em Casa: Passo a Passo

O primeiro passo para aprender a plantar uma rosa é escolher um espaço no jardim relativamente profundo. Sem o plantio correto não adianta saber como cuidar de rosas porque elas não vão florescer.

Cerca de 15 dias antes (não menos que isso) deve-se cavar a copa de ao menos 30 centímetros de profundidade e bem larga. No fundo jogue um pouco de calcário dolomítico, comprado em lojas de produtos para jardinagem. 

A terra onde será feito o plantio deve ser preparada também. A mistura de 10 litros de adubo com 10 litros de esterco vegetal é o suficiente.

colocando substrato em muda de rosa

Mistura de substratos naturais na terra aumentam as chances do plantio da rosa dá certo.

A preparação do terreno é crucial e para isso temos uma receita para ser aplicada após os 15 dias. Deve-se misturar em terra vegetal:

  • duas colheres de sopa de farinha de osso;
  • duas colheres de sopa de composto orgânico;
  • uma colher de sopa de NPK 10-10-10.

Misture bem na terra vegetal e aplique na sua cova já cavada. Agora é só colocar a muda e cobrir com a terra. O método é bem semelhante a quem já sabe cuidar de azaleias.

Ao comprar uma muda é preciso saber qual tipo de planta você está levando para casa para saber qual o passo a passo correto de como cuidar de rosas e também onde cavar o buraco. As trepadeiras, por exemplo, necessitam ficar próximas de paredes. Pergunte ao vendedor qual o tipo ou leia sobre cada uma delas antes de efetuar a compra.


Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *